quarta-feira, julho 24, 2024
quarta-feira, julho 24, 2024

Varejo deve subir receitas em 17% no Dia das Crianças

Os presentes geralmente mais procurados durante o Dia das Crianças devem ficar mais acessíveis em 2023. De acordo com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), os produtos buscados para a data subiram apenas, em geral, 0,91% em um intervalo de um ano, o que indica estabilidade. Para se ter uma ideia, essa taxa cresceu 7,84% no mesmo período do ano passado, entre 2021 e 2022.

O resultado disso é que, no Estado de São Paulo, a Federação estima um crescimento de 17% de vendas nas lojas de vestuário, tecidos e calçados no mês, quando comparado a outubro do ano passado.

Por causa da valorização do real e das dinâmicas produtivas, alguns dos itens que registraram quedas mais significativas neste ano são os computadores (11,7%) e os videogames (10,7%), dois dos produtos mais adquiridos para presentear filhos, sobrinhos, netos e demais crianças das famílias. Além desses eletrônicos, a pesquisa da Federação ainda mostra uma retração de 4,3% no preço dos aparelhos celulares.

Mesmo os brinquedos — que tendem a ser os mais procurados a partir do início de outubro — caíram 4,3% em um ano. Entre 2021 e 2022, o preço desses itens havia subido 20,3%, tornando a data passada uma dos mais inflacionadas dos tempos recentes.

Por outro lado, o livro não didático teve um aumento real de 13% no acumulado de um ano, representando o principal avanço registrado no estudo [tabela].

A FecomercioSP entende que o Dia das Crianças de 2023 tem tudo para ser não só um momento de comemoração das famílias, mas também dos empresários do comércio. A redução na taxa de desemprego, o aumento da renda e a estabilidade dos preços devem contribuir para um crescimento relevante das vendas.

No entanto, a orientação é que, em razão do porcentual elevado de inadimplentes no País, as famílias optem pela quitação das dívidas em atraso para, depois, pensar em presentear na data. Contudo, caso decidam comprar os mimos, a sugestão é que pesquisem os preços em diferentes estabelecimentos em busca de opções mais em conta.

Fecomercio-SP

Reúne líderes empresariais, especialistas e consultores para fomentar o desenvolvimento do empreendedorismo. Em conjunto com o governo, mobiliza-se pela desburocratização e pela modernização, desenvolve soluções, elabora pesquisas e disponibiliza conteúdo prático sobre as questões que impactam a vida do empreendedor. Representa 1,8 milhão de empresários, que respondem por quase 10% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e geram em torno de 10 milhões de empregos.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas