segunda-feira, abril 22, 2024
segunda-feira, abril 22, 2024

Mercado de startups está otimista com 2024

Após o inverno que as startups enfrentaram em 2022 e a melhora gradual das expectativas para esses negócios no ano passado, 2024 promete trazer grandes avanços no mercado. Com a ascensão da inteligência artificial e da transformação digital, cada vez mais, as startups têm consolidado seu espaço no mercado nacional.

Isso não é somente tendência já que, segundo dados recentes do Governo Federal, o país deve investir R$ 60 bilhões para empreendedores inovarem no setor. Neste ano, as startups deverão receber mais investimento a partir de quedas de juros e do equilíbrio no preço de oferta de empresas no mercado em que atuam.

Pensando nisso, reunimos algumas dessas startups que devem transformar o mercado nacional este ano. Confira abaixo:

Cartpanda

Com mais de quatro anos de atuação, a Cartpanda oferece uma plataforma completa para a criação e escalação de negócios no e-commerce. Um ecossistema completo para empreendedores digitais – loja, checkout e pagamentos, a startup atua no desenvolvimento de soluções para ajudar os empreendedores digitais em suas maiores dores e permitir que possam aumentar a conversão de vendas.

Além de diversas soluções desenvolvidas, a startup acaba de lançar uma grande novidade no mercado nacional de e-commerce: o Cartpanda Global, funcionalidade cujo objetivo é facilitar a expansão de negócios para fora do Brasil. Com o novo modelo de vendas internacionais, os lojistas podem expandir seus negócios para qualquer lugar do mundo e receber diretamente do gateway de pagamento próprio da plataforma.

ChatClass

Com foco em expansão de mercado e para ajudar a solucionar dores de empresas com engajamento, comunicação e capacitação nas organizações, a ChatClass amplia sua presença no mercado para além do setor educacional. No ano de 2023, a startup identificou a possibilidade de aproveitar o WhatsApp e o Instagram com o uso de inteligência artificial para fornecer soluções mais completas aos seus clientes, criando soluções sob demanda para otimizar processos em diversas áreas. Além da ferramenta para ensino de inglês via WhatsApp e Instagram que já contempla o portfólio da startup, a empresa amplia a cobertura das soluções para as áreas de vendas, atendimento, recursos humanos e comunicação interna.

CodeBit

Fundada em 2011, a CodeBit nasceu com o propósito de utilizar a tecnologia como catalisadora social, tendo um impacto positivo na sociedade através de sua atuação. Com mais de 50 clientes e diversos cases de sucesso, como Médico Sem Fronteiras, Fundação Itaú, Instituto Natura, Instituto Ayrton Senna, dentre outros, diversas iniciativas foram realizadas ao longo dos anos por meio das soluções tecnológicas desenvolvidas pela empresa, como uma plataforma que agilizou a conversão de livros para o formato braille junto à Fundação Dorina Nowill, referência mundial em ações inclusivas para pessoas cegas ou de baixa visão.

Uma solução lançada em 2023 pela empresa foi o Codewall para empresas, um app que possibilita diversas ações de gerenciamento e uso da internet. Criado por Heitor Cunha, CEO da CodeBit, o CodeWall funciona em conjunto com um roteador instalado nas empresas, permitindo um cadastro vinculado a cada colaborador que monitora única e exclusivamente a rede de wi-fi do local e auxilia no gerenciamento do uso da internet, além de ter maior controle do tráfego de sua rede wi-fi, bloqueando acessos indesejados.

Standout

Referência em inteligência em trade marketing digital, a STANDOUT auxilia marcas a falarem diretamente com os seus públicos nas páginas de produtos dos e-commerces. A solução permite a criação, edição e publicação de conteúdos enriquecidos para publicação em todos os pontos de contato durante a jornada de compra do consumidor, bem como a distribuição automática desses conteúdos, em layout responsivo e em tempo real nos seus mais de 250 grandes varejos digitais com potencial para intensificar as vendas.

Além disso, entrega informações úteis sobre os benefícios e diferenciais dos produtos e fornece para as marcas uma série de informações sobre o que está acontecendo com suas vitrines, o que é decisivo para futuras estratégias. Atualmente a empresa tem no seu portfólio mais de 350 marcas como clientes, incluindo Coca-Cola, Kimberly Clark, Kellogg’s, Ferrero, AstraZeneca e Eurofarma. Há oito anos no mercado, a martech incorpora nos seus serviços o uso de Inteligência Artificial (IA) generativa para potencializar o alcance de vitrines digitais, bem como aprimorar a comunicação entre marcas e consumidores.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas