terça-feira, janeiro 31, 2023
terça-feira, janeiro 31, 2023

Omega Desenvolvimento vai fornecer energia limpa para o Grupo Heineken

A Omega Energia, por meio da Omega Desenvolvimento, empresa que desenvolve novos projetos e implementa ativos renováveis do grupo, acaba de assinar mais um importante contrato de longo prazo. O acordo com o Grupo Heineken é mais uma iniciativa que visa expandir o consumo de energia renovável no Brasil e gerar uma significativa contribuição na redução da emissão de aproximadamente 270.000 toneladas de CO² na atmosfera. O projeto apresenta ainda os selos I-REC (International Renewable Certificates) dos parques de energia renovável, o que possibilitará que o Grupo Heineken tenha o abatimento das emissões para compra de energia (Escopo 2 do GHG Protocol).

A parceria entre as empresas consistirá na implementação de ativos de geração de energia na região Nordeste, para o fornecimento de energia renovável que atenderá 100% do consumo de 13 cervejarias e 9 centros de distribuição espalhados pelo Brasil.

“A estratégia global do Grupo Heineken mostra como é importante fechar parcerias de valor também no Brasil. Estamos orgulhosos de mais um grande projeto para uma companhia tão consciente da importância da energia limpa e renovável para suas atividades”, diz Fabiana Polido, diretora comercial e trading da Omega Energia. “Com esse contrato, mostramos que estamos sempre prontos para desenvolver soluções customizadas e inovadoras para os nossos clientes e ajudar a construir uma sociedade com energia limpa, sustentável e competitiva” afirma Fabiana.

Impactos positivos

“Reconhecemos nosso papel atuante neste desafio que é promover impactos socioambientais positivos no país, e por isso assumimos o compromisso de zerar as emissões na produção até 2023, sete anos antes da meta global, e este contrato com a Omega representa um marco para o uso de energia elétrica limpa em quase 100% de nossas unidades produtivas. E não para por aí, pois fomos ainda mais ambiciosos no compromisso de neutralizar nossa pegada de carbono em toda a cadeia de valor até 2040”, comenta Ornella Vilardo, gerente de sustentabilidade do Grupo Heineken.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas