sexta-feira, fevereiro 3, 2023
sexta-feira, fevereiro 3, 2023

Basf é premiada como uma das empresas que mais investe em inovação aberta com startups

A Basf, pelo segundo ano consecutivo, é considerada a empresa a top 1 da indústria química no ranking das Top 100 Open Corps 2021 que reconhece as corporações que mais praticaram inovação aberta com startups no Brasil no último ano. Além disso, a empresa subiu posições e agora é a 4ª colocada geral. Esta é a sexta edição da premiação que, a partir de dados gerados pelo próprio mercado, registrou este ano um crescimento de 96% nos relacionamentos declarados por corporações e startups.

A Basf tem várias iniciativas em andamento que têm sido fundamentais para o crescimento da cultura de inovação aberta. Um dos destaques é o AgroStart que completa 5 anos de atuação em 2021 e é pioneiro na interação com startups que oferecem serviços para contribuir com uma produção cada vez mais sustentável.

O programa passou a ser uma plataforma de inovação e empreendedorismo e atua em quatro frentes: a aceleração de startups do agro, com interação com mais de 600 startups neste período; intraempreendedorismo para desenvolver ideias de colaboradores da BASF dentro da Garagem AgroStart, utilizando a mesma metodologia das startups; Ecossistema AgroStart em que são desenvolvidas parcerias com empresas de outros setores; e aportes do Basf Venture Capital, que realiza investimentos em startups e fundos de capital de risco e que destinou – em 2019 – o aporte de US$ 4 milhões no fundo AgVentures II administrado pela SP Ventures.

“O AgroStart é uma plataforma viva, em constante transformação e presente em toda a América Latina para acelerar experimentações com um ecossistema de AgTechs, parceiros e a criação de soluções digitais que resolvam desafios reais do agronegócio, sempre com foco no produtor rural”, avalia Eduardo Menezes, gerente de Produtos Digitais da Divisão de Soluções para Agricultura da Basf  na América Latina.

“Com o aumento da demanda por alimentos e por uma produção cada vez mais sustentável, o uso das tecnologias digitais já é uma realidade no campo. Observamos esta tendência de mercado, com o crescimento da agricultura 4.0. O AgroStart é uma iniciativa pioneira na América Latina que está totalmente alinhada com os pilares da estratégia da BASF que são: Experiência do Cliente, Inovação, Sustentabilidade e Digitalização. A Basf  entende que o mais importante é levar a melhor solução para cada agricultor e que não resolvemos tudo dentro de casa. Por meio de diversas iniciativas, internas e externas, estamos viabilizando parcerias, cocriações e novos modelos de negócio para ajudar o agricultor na tomada de decisão”, explica Almir Araújo, diretor de Digital, Novos Modelos de Negócio & Excelência Comercial de Soluções para Agricultura da Basf América Latina.

Iniciativas em diversos segmentos

Além do AgroStart, a Basf mantém diversas iniciativas como o Suvinil Fora da Lata, programa de aceleração que visa cocriar soluções para desafios da marca e alavancar ambos os negócios; o reciChain, plataforma baseada em blockchain para escalar soluções de economia circular, em parceria com a Fundação Espaço Eco; além da Central de Startups, do hub de inovação onono, centro de experiências científicas e digitais criado para promover conexões transformadoras entre a Basf os clientes e o ecossistema de inovação aberta.

A Basf tem incentivado o potencial inovador dos ecossistemas, com base em economia criativa e tecnologia. Essa dinâmica tem promovido uma forte mudança de mindset na empresa e isso se revela nos números do ranking das TOP 100 Open Corps. A Basf  estava em 35º lugar em 2019, subiu para o 6º em 2020 e, agora, conquistou a posição entre as TOP 5.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas