terça-feira, janeiro 31, 2023
terça-feira, janeiro 31, 2023

Alliar comemora crescimento orgânico de 102,4% e lucro líquido de R$ 96,7 milhões

No terceiro trimestre consecutivo de resultados consistentes, a Alliar apresenta crescimento de R$ 96.7 milhões no lucro líquido ano contra ano, totalizando R$ 11.6 milhões e revertendo prejuízo do mesmo período em 2020, quando foi fortemente impactada pela pandemia. A receita bruta do período foi de R$ 305.3 milhões, com crescimento orgânico de 102.4% em relação ao segundo trimestre de 2020. O resultado otimista mostra que, mesmo afetado pela segunda onda da Covid-19, a expectativa para o segundo semestre é positiva, uma vez que o ritmo da vacinação acelera.

No acumulado do ano, a receita bruta totalizou R$ 612.2 milhões, sendo a melhor performance histórica da Alliar, com crescimento orgânico de 51% em comparação aos seis primeiros meses de 2020. “O desempenho da receita reflete a forte retomada do core business (serviços para operadoras de saúde/clientes conveniados), com destaque para os exames de imagem, que sustentaram uma recuperação acelerada. O resultado também foi impulsionado pela participação dos novos negócios, a exemplo da expansão do iDr, healthtech do Grupo Alliar, que obteve receita de R$ 9.5 milhões no primeiro semestre de 2021 e crescimento de 91% no trimestre”, aponta o CEO da Alliar, Fernando Terni.

A empresa também registrou um novo recorde de faturamento em análises clínicas para o período, no valor de R$ 57.7 milhões, o que representa um crescimento de 57.6% a.a. Houve desempenho inédito também no acumulado no ano, com faturamento de R$ 122.5 milhões, evolução de 68.5% a.a. No acumulado do ano, o lucro líquido foi de R$ 24.2 milhões, uma marca histórica para o período.

Novo modelo de gestão e Núcleo Técnico Operacional

Além da mudança na presidência, com o retorno do executivo Fernando Terni, que já ocupou o cargo de CEO entre 2012 e 2019, o Grupo Alliar acaba de anunciar um novo modelo de gestão, focado em agilidade na tomada de decisões e mais autonomia. Para isso, a companhia estruturou quatro vice-presidências: Operacional liderada pelo Dr. Ricardo Dupin; Médica, liderada por Dr. Gustavo Meirelles; Comercial, liderada pelo Dr. Leandro Figueira; e Administrativa/Financeira, liderada pela CFO, Karla Maciel. A estrutura busca uma tomada de decisão mais descentralizada trazendo dinamismo, foco e velocidade ao negócio

Outra novidade é a estruturação de um Núcleo Técnico Operacional (NTO) próprio, que permitirá a verticalização da operação e do processamento dos exames de Análises Clínicas. Segundo Terni, a iniciativa está em linha com a estratégia do Grupo Alliar de ser uma plataforma integrada de medicina diagnóstica. O projeto já conclui a fase de definição do escopo técnico-operacional, com previsão para início no segundo semestre de 2022.

“A verticalização das operações em análises clínicas nos permitirá uma redução de custos laboratoriais na ordem de 25% a 30%, tornando a Alliar mais competitiva junto às operadoras e aos clientes particulares, com melhoria na lucratividade. Além disso, o NTO ampliará a capacidade para novos testes, em linha com nossa trajetória de inovação e busca por soluções completas para o cuidado com a saúde”, completa Terni.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas