terça-feira, setembro 27, 2022
terça-feira, setembro 27, 2022

O salto da Unipar: grupo negocia compra de fábrica da Compass Minerals

Por Joana Lopo e Geraldo Bastos

A Unipar – líder na produção de cloro, soda e PVC na América do Sul – celebrou com a Compass Minerals do Brasil um acordo de confidencialidade com intuito de analisar informações para uma possível operação de aquisição da fábrica de cloro-soda da Compass localizada no município de Igarassu, em Pernambuco. Em fato relevante, a Unipar afirma “que está constantemente avaliando oportunidades e alternativas para investimento ou aquisição de participações societárias que sejam consistentes com objetivos da companhia”.

Nesta quarta-feira (2), a versão online do jornal Valor Econômico publicou matéria onde informa que a Unipar está a caminho de fechar a compra da unidade da Compass por R$300 milhões. O jornal informa que, segundo fontes próximas às negociações, a companhia brasileira está na fase final de análise dos números e está bem capitalizada para fazer frente à aquisição. “Um acordo deve ser anunciado ainda este mês”, afirma a reportagem.

A fábrica de Igarassu produz cloro, soda cáustica, hipoclorito de sódio e ácido clorídrico. Estes produtos compõem uma linha completa de insumos para sistemas de tratamento de água potável, desde a purificação inicial até a desinfecção final. Além de suas aplicações na proteção da saúde das pessoas, são importantes no setor químico, na produção de celulose e papel, no setor petroquímico, na mineração e siderurgia, entre outros.

A Unipar tem como maior acionista  Frank Geyer

A Unipar, que tem como maior acionista o empresário Frank Geyer, foi criada há 52 anos. Anualmente, mais de quatro milhões de toneladas de vários produtos químicos saem de suas fábricas localizadas em Cubatão (SP), Santo André (SP) e Bahía Blanca (Argentina), onde trabalham cerca de 1.400 colaboradores. O crescimento da empresa tem sido robusto nos últimos anos.

O grupo encerrou o exercício de 2020 com um lucro líquido de R$370 milhões, com o EBITDA na casa de R$1 bilhão. Já a receita líquida alcançou R$3,8 bilhões, o que representa crescimento de 26,9%, comparado aos 12 meses de 2019.

Uma operação mais sólida e sustentável permitiu à Unipar obter uma geração de caixa robusta, cumprir seu cronograma de amortização de dívidas, terminar o ano com caixa de R$1,1 bilhão e saldo negativo em sua dívida líquida.

A utilização da capacidade produtiva de químicos (cloro/soda) ficou em 78%, cerca de 5% acima da observada em 2019. A planta de Cubatão, focada na produção de cloro e soda, registrou uma utilização de 82%. As plantas de Santo André e Bahía Blanca, que são produtoras de cloro, soda e PVC, registraram números consistentes, com utilização da capacidade instalada de 80% e 65%, respectivamente, resultados que refletiram a alta confiabilidade destas unidades industriais.

A empresa iniciou este ano, em parceria com a AES Brasil, a construção do  Complexo Eólico Tucano, localizado nos municípios de Tucano, Biritinga e Araci, na Bahia. Os investimentos são da ordem de R$620 milhões.

Compass

Com sede no Estados Unidos, a Compass opera 21 instalações de produção e embalagem e conta com mais de 3 mil funcionários nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Brasil. No país, iniciou oficialmente sua história em 2016, quando adquiriu a Produquímica, possui 1,2 mil colaboradores, e outras 8 fábricas e operações em dois principais negócios: soluções inovadoras para o agronegócio e produtos químicos destinados a processos industriais, proteção à saúde das pessoas e qualidade de vida.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas