domingo, junho 23, 2024
domingo, junho 23, 2024

Pilar atinge R$ 520 milhões em VGV no primeiro trimestre e quer triplicar de tamanho em 2024

A Pilar, startup brasileira que busca ressignificar o papel de corretor de imóveis no país, atingiu um Valor Geral de Vendas (VGV) de R$520 milhões no primeiro trimestre de 2024. O resultado é quase quatro vezes maior do que o alcançado no mesmo período do ano passado. Até o fim do ano, a companhia quer chegar a um VGV de mais de R$ 3 bilhões, valor 300% maior do que em 2023.

Em operação desde 2022, a Pilar tem se destacado no cenário das proptechs brasileiras. Com uma abordagem inovadora, a empresa concentra esforços no corretor de imóveis, visando mudar a lógica do mercado e estabelecer novas formas de operação. A startup trabalha com corretores autônomos e imobiliárias boutique do alto padrão de São Paulo e condomínios do interior. No primeiro trimestre de 2024, o ticket médio de transações ficou em R$ 5,8 milhões, destacando o foco da empresa em propriedades de alto valor.

Uma das estratégias chave da empresa é a plataforma de tecnologia proprietária, que funciona como uma comunidade para mais de 300 corretores compartilharem portfólios e clientes. Isso gera resultado em uma maior eficiência e colaboração no mercado, com entre 40% e 50% das transações realizadas dentro da rede.

Além disso, a empresa está investindo em soluções baseadas em inteligência artificial e outras automações para facilitar o dia a dia dos profissionais. Também está explorando novas formas de receita, como linhas de financiamento em parceria com bancos. A empresa teve duas rodadas de captação que totalizaram USD 5.5 milhões, a primeira liderada por Canary (USD 800K) e a segunda pelo Atlântico de USD 4.7 milhões, com isso, está bem capitalizada e planeja expandir suas operações para outros destinos a partir de 2025.

“O mercado imobiliário de São Paulo está aquecido e nossas imobiliárias parceiras estão colhendo os frutos. Já batemos recorde no primeiro trimestre e nossa expectativa é crescer de forma exponencial, aumentando ainda mais o nosso já expressivo market share nas regiões mais valorizadas de São Paulo. Queremos melhorar o mercado imobiliário no país através do protagonismo do corretor”, explica Felipe Abramovay, cofundador e CEO da Pilar.

Pilar

Fundada em 2021 e em operação desde 2022, a Pilar entrega uma estrutura imobiliária de ponta que valoriza os corretores, com tecnologia, expertise e cuidado para que eles possam vender mais e melhor. Com uma abordagem que vai além de simplesmente fornecer ferramentas e recursos, a marca está comprometida em criar uma cultura de parceria, onde os corretores são verdadeiros parceiros no sucesso.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas