terça-feira, setembro 27, 2022
terça-feira, setembro 27, 2022

TIM e Gerando Falcões viabilizam a primeira Favela com tecnologia 5G do Brasil

Uma revolução tecnológica está prestes a acontecer na periferia. A Favela Marte, localizada na cidade de São José do Rio Preto, interior de São Paulo, se tornará a primeira comunidade do Brasil plenamente conectada ao 5G por meio de hubs tecnológicos. A iniciativa pioneira da ONG Gerando Falcões conta com a parceria da TIM, que proverá toda a conectividade, em linha com seu compromisso com a inclusão digital dos brasileiros. Motorola e American Tower também estão envolvidos no projeto, disponibilizando os equipamentos que serão usados pelos moradores e a instalação de infraestrutura, respectivamente.

“Vamos dar um salto com esse projeto pioneiro: o melhor da tecnologia vai chegar na favela. A periferia, geralmente, é a última a receber a inovação e, dessa vez, queremos acelerar o processo, conectando a comunidade ao 5G e proporcionando uma série de ações e acesso a serviços digitais graças a essa tecnologia. O que vamos fazer na favela Marte vai ficar para a história”, empolga-se Edu Lyra, CEO da Gerando Falcões.

A TIM, que será a responsável por levar o 5G para a Favela Marte, foi a primeira operadora a lançar, em julho, a chamada conexão “pura”, ou Standalone, em Brasília. A tecnologia já está disponível nas cidades de São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e João Pessoa e, em breve, chega a outras cidades. A nova rede oferece velocidades de navegação até 100 vezes maiores que as do 4G e com baixa latência, o que possibilita diferentes iniciativas de inclusão social e digital.

“O 5G tem um grande potencial de transformação e, por isso, trabalhamos para liderar a implementação da tecnologia no Brasil, fazendo com que ela chegue a mais pessoas rapidamente. A conexão da Favela Marte faz parte desse compromisso”, explica o CEO da TIM, Alberto Griselli. O executivo destaca que a empresa quer ir além da conectividade, atrelando sua rede de parceiros ao projeto: “vamos entregar o melhor da tecnologia na comunidade, com iniciativas que podem englobar educação à distância, serviços financeiros, telemedicina, ações de empreendedorismo com o Instituto TIM e inclusão de mulheres no mercado de trabalho, por exemplo. Com o 5G, os moradores terão novas possibilidade e estamos orgulhosos de fazer parte dessa evolução”, comenta o executivo.

Um dos desafios para qualquer implementação do 5G é a compatibilidade dos devices, isto é, nem todos os aparelhos estão prontos para a tecnologia, ainda que sejam modernos. E esse será o papel da Motorola, outra parceira no projeto que vai garantir o sucesso da chegada da quinta geração aos moradores da Favela Marte.

“É muito gratificante apoiar um projeto que irá conectar uma comunidade ao 5G. A Motorola foi pioneira em trazer o 5G para o Brasil. Em apenas dois anos, 60% do nosso portfólio já é compatível com a nova tecnologia, incluindo produtos para todos os perfis de consumidor, desde produtos premium como a linha edge, até os smartphones intermediários da família moto g. E queremos ir além. Nosso objetivo é sermos peças-chave na democratização dessa tecnologia em território nacional, assim como fizemos no lançamento da rede 4G”, afirma o presidente da Motorola no Brasil, José Cardoso.

A expectativa é que a primeira Favela 5G do Brasil comece a operar dentro de um ano. Até lá, a comunidade de Marte passa por um longo processo de urbanização, que inclui o trabalho da American Tower para fornecimento da infraestrutura que viabiliza a instalação das antenas que vão emitir a conexão 5G. Além disso, a empresa participa nas iniciativas para a criação das praças e dos espaços de formação, como a doação de mobiliários e equipamentos para a montagem do laboratório digital.

“Ficamos muito honrados com o convite da Gerando Falcões para participarmos desse projeto. Essa é uma iniciativa que reforça o compromisso da American Tower com práticas de sustentabilidade – pilar muito importante para nossos negócios -, promovendo a inclusão e o desenvolvimento das comunidades ao possibilitar a ampliação da conectividade em lugares que viabilizam a transformação da vida das pessoas”, comenta o diretor-geral da companhia, Emerson Hugues.

Para o CEO da Gerando Falcões, as parcerias foram escolhidas a dedo, com empresas que já conhecem e acreditam nos propósitos da ONG nas comunidades, entendem a real necessidade dos moradores e trabalham para potencializar o ativo social da tecnologia. “O desafio de levar a melhor conexão para a Favela Marte é tão gigante quanto a responsabilidade que temos em transformar a vida de mais de 200 famílias”, explica Lyra.

5G: O que muda na favela

A chegada do 5G à Marte faz parte do projeto Favela 3D (digna, digital e desenvolvida), idealizado no local pela Gerando Falcões e pelo Instituto Valquírias World, que implementa o conceito de moradia digna, geração de renda, acesso à saúde, cidadania e cultura de paz, direito à educação, primeira infância, autonomia da mulher e cultura, esporte e lazer. A cobertura tecnológica abre portas para projetos de inclusão social, como a possibilidade da educação remota com as bibliotecas virtuais, saúde à distância com o uso da telemedicina e oportunidade para microempreendedores da comunidade com cursos profissionalizantes.

Na Favela Marte, algumas casas já foram demolidas para darem lugar ao novo projeto de urbanização e melhoria das moradias. Todas as famílias estão abrigadas por meio do aluguel social. Mas isso é só o começo.

“Sabemos que não adianta dar uma casa nova se o morador não tem um emprego. A gente quer que a família tenha autonomia para interromper o ciclo da pobreza. Por isso, o projeto é maior do que se imagina e só é possível ir em frente com parceria de empresas sérias e comprometidas”, conclui Edu Lyra.

Gerando Falcões

A Gerando Falcões é um ecossistema de desenvolvimento social que atua para acelerar o poder de impacto de líderes de favelas de todo país que possuem um sonho em comum: colocar a pobreza das favelas no museu. Seu foco são iniciativas transformadoras, capazes de gerar resultados de longo prazo. O projeto entrega serviços de educação, desenvolvimento econômico e cidadania e executa programas de transformação sistêmica em comunidades, como o Favela 3D.

TIM

“Evoluir juntos com coragem, transformando tecnologia em liberdade” é o propósito da TIM, operadora líder em cobertura móvel e presença 4G. Pioneira em testes do 5G, está pronta também para ser protagonista da tecnologia que revolucionará diversos setores da sociedade, em linha com a sua assinatura: “Imagine as possibilidades”. Comprometida com as melhores práticas ambientais, sociais e de governança, integra importantes carteiras da bolsa brasileira, como a do Novo Mercado, do S&P/B3 Brasil ESG e do Índice de Sustentabilidade Empresarial. Está listada no Sustainability Yearbook 2022, que reúne as empresas mais sustentáveis do mundo, e foi a primeira operadora a certificação ISO 37001, de combate ao suborno. Faz parte ainda do Índice de Equidade de Gênero da Bloomberg e lidera, entre as empresas do Brasil e do setor de telecom mundial, o Refinitiv Diversity & Inclusion Index.

Lenovo & Motorola

A Lenovo está presente na lista da Fortune Global 500 com faturamento de US$ 60 bilhões, com clientes em 180 países ao redor do mundo. Focada em oferecer tecnologia mais inteligente para todos, desenvolvemos tecnologias inteligentes e transformadoras que impulsionam (por meio de dispositivos e infraestrutura) e empoderam (por meio de soluções, serviços e softwares) milhões de clientes todos os dias para juntas criarem uma sociedade digital mais inclusiva, com credibilidade e sustentável para todos. A Motorola Mobility LLC foi adquirida pelo Lenovo Group Holdings em 2014. A Motorola Mobility é uma subsidiária integral da Lenovo, e é responsável pelo design e manufatura de todos os aparelhos móveis e soluções das marcas Moto e Motorola.

American Tower

A American Tower do Brasil, subsidiária da American Tower Corporation, um dos maiores fundos de investimentos imobiliários globais, é proprietária independente, operadora e desenvolvedora de infraestrutura multicliente para comunicações e transmissão sem fio. Nosso portfólio conta com mais de 23 mil pontos de comunicações no Brasil, uma operação de fibra ótica em Minas Gerais e uma rede nacional para internet das coisas (IoT) que usa a tecnologia LoRaWAN®. E, em todo o mundo, opera cerca de 220 mil estações de comunicação sem fio.

A sede da American Tower do Brasil está localizada em São Paulo, e sua matriz está localizada em Boston, Massachusetts, EUA. A American Tower Corporation possui operações em todo o território americano, e também na Argentina, África do Sul, Alemanha, Austrália, Bangladesh, Burkina Faso, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Espanha, França, Filipinas, Gana, Índia, Paraguai, Peru, Polônia, México, Nigéria, Quênia, República do Níger e Uganda.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas