Promovida pela Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmicas para Revestimentos, Louças e Congêneres (Anfacer), a oitava edição da Brazil Ceramic Tiles Experience (BCTE) acontecerá entre 27 e 30 de junho, na Cidade do Panamá. A mostra terá produtos de 15 empresas brasileiras, que exporão seus produtos ao mercado comprador do Caribe e América Central, principalmente importadores e revendedores.

“Estamos vivenciando a retomada de eventos. O BCTE é uma oportunidade para movimentarmos o setor de revestimentos cerâmicos, proporcionando negócios e interação entre distribuidores, revendedores, especialistas e construtoras”, destaca o presidente do Conselho de Administração da Anfacer, Benjamim Ferreira Neto.

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) apoia o evento, contribuindo para a ampliação dos mercados externos de produtos cerâmicos nacionais, bem como reconhecimento e visibilidade das empresas participantes. Nos quatro dias de evento, há expectativa que mais de 60 distribuidores compareçam, participando de rodadas de negócio, palestras e ações para integrar a indústria nacional e varejistas locais.

A indústria cerâmica brasileira é a sétima maior exportadora do mundo, tendo seus principais negócios nos continentes da América do Sul (50,8%), Norte (24,6%) e Central (19,9%). Em 2021, 130,3 milhões de metros quadrados foram exportados, correspondendo a aproximadamente 13% da produção nacional.

Participarão do BCTE as seguintes empresas: Alfagres, Angelgres, Cerbras, Carmelo Fior, Cejatel, Dexco, Eliane, Elizabeth Revestimentos, Embramaco, Itagres, Karina Pisos, Lef, Pamesa, Pointer e Villagres. Essas fabricantes demonstrarão a qualidade e tecnologia da indústria brasileira.

Balanço trimestral

No primeiro trimestre de 2022, de acordo com a Anfacer, as exportações no setor totalizaram 31,2 milhões de metros quadrados, alta de 6,2% ante o mesmo período de 2021. No entanto, a produção geral foi de 251,1 milhões de m², com queda de 2,6% em relação ao acumulado de janeiro a março do ano passado.

Ainda quanto ao trimestre, o volume de vendas de revestimento cerâmico no mercado interno apresentou 192,1 milhões de m² – redução de 13,8%. Na mesma base de comparação, comercialização total alcançou 223,3 milhões de m², um recuo de 11,4%.

Projeto Ceramics of Brazil

Criado em 2001, o projeto setorial da indústria brasileira de cerâmica, Ceramics of Brazil, é promovido pela Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres (Anfacer) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil ).

O objetivo é promover as exportações brasileiras de revestimentos cerâmicos e louças sanitárias, apoiando a indústria cerâmica brasileira em seu esforço de inserção no mercado internacional por meio de promoção e participação de feiras e eventos internacionais, inteligência comercial, entre outras ações pontuais.

ApexBrasil

Atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira.

Para alcançar esses objetivos, a ApexBrasil realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira, entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.

A Agência também atua de forma coordenada com atores públicos e privados para atração de investimentos estrangeiros diretos (IED) para o Brasil com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.