terça-feira, janeiro 31, 2023
terça-feira, janeiro 31, 2023

Boa Safra Sementes inaugura usina fotovoltaica em unidade de Goiás

Comprometida com os princípios do ESG e com o avanço do agronegócio rumo a um modelo mais sustentável, a Boa Safra Sementes, líder na produção de sementes de soja no Brasil, acaba de inaugurar sua primeira usina de energia solar fotovoltaica em uma unidade de beneficiamento. A instalação na planta de Cabeceiras (GO) substituirá o uso de energia elétrica. Com capacidade para gerar 158,6 MW/mês, o equivalente ao consumo médio suficiente para iluminar uma cidade de mais de 3 mil habitantes, a usina responderá por 94% do total da energia utilizada pela unidade.

“Estamos evoluindo em nossa gestão sustentável, buscando ser uma companhia que gera cada vez menos impacto ao meio ambiente. Com a usina fotovoltaica, a Unidade de Cabeceiras é nossa primeira com fonte de energia renovável, sustentável e limpa”, afirma Marino Colpo, CEO e um dos fundadores da Boa Safra. O objetivo da empresa é que, no futuro, a matriz energética de todas as Unidades de Beneficiamento seja substituída por energias sustentáveis e limpas, gerando assim maior eficiência energética sustentável bem como economia.

O Brasil tem um dos maiores índices de incidência solar do mundo, o que faz com que o retorno do investimento seja mais rápido, potencializando o desenvolvimento da fonte e permitindo que se vislumbre um papel importante na matriz elétrica para esta fonte. A usina fotovoltaica conta com 3.570 módulos fotovoltaicos e potência unitária de 445Wp, 15 inversores solares com 66kW de potência, ocupando uma área de aproximadamente 17.000m².

O maior benefício da usina fotovoltaica está no fator ambiental. A geração de energia através de fontes limpas e renováveis evita o lançamento de CO2 na atmosfera. A usina em questão evita a emissão de aproximadamente 239 toneladas de CO2 por ano, levando em consideração o fator de emissão médio de CO² do SIN (Sistema Interligado Nacional), ou seja, o consumo sendo realizado através da usina fotovoltaica versus o consumo através da conexão com a concessionária de energia.

“Com essa inauguração, a Boa Safra Sementes mantém o compromisso pela busca de energia limpa e sustentável e de colaborar com a modernização do campo, buscando uma maior eficiência de nossas atividades com menos impacto para a natureza”, finaliza Colpo.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas