quarta-feira, fevereiro 1, 2023
quarta-feira, fevereiro 1, 2023

JSL propõe fusão com Tegma

Por Geraldo Bastos

A JSL – a maior companhia de logística rodoviária do país – anunciou nesta sexta-feira (2) que enviou ao Conselho de Administração da Tegma Gestão Logística S.A. uma proposta de combinação de negócios. Somadas as operações da JSL e da Tegma, a companhia combinada teria R$6,1 bilhões de receita bruta nos últimos 12 meses findos em 31 de março de 2021, que representaria um aumento de R$2,8 bilhões e um crescimento de 86% da receita bruta da JSL.

Em fato relevante, a JSL informa que a proposta contempla o pagamento de uma parcela em dinheiro  de R$989.066.580,00   e a entrega de 49.422.000 novas ações de emissão da JSL. A parcela em caixa e a parcela em ações estão sujeitasa ajustes usuais em operações desta natureza. Após a consumação da operação, os acionistas da Tegma serão detentores de, aproximadamente, 15% do capital total da JSL.

“A operação possui um forte racional estratégico em razão da criação de um negócio ainda mais robustoe diversificado, com capacidade de oferecer novos serviços para os mesmos clientes e diversificar a atuação da Tegma, resultando nacriação de valor substancial para as companhias, seus respectivos acionistas, clientes, colaboradores, caminhoneiros agregadose para o setor logístico brasileiro. Adicionalmente, destacamos que, caso aprovada, a operação resultará no aumento das bases acionárias e na diversificação de investidores da companhia combinada”, afirma a JSL.

Ainda de acordo com a  JSL  a fusão vai resultar numa geração de caixa ainda mais robusta, o que contribuirá para o acesso ao mercado de capitais pela companhia combinada sustentando a agenda de crescimento orgânico e por aquisições, em linha com o planejamento estratégico da JSL, tendo como um dos seus efeitos a forte geração de valor aos seus acionistas. Além disso, a combinação de negócios possibilitará, para ambas as companhias, ampliar ainda mais a diversificação de setores de atuação e serviços oferecidos, aliando alto potencial de crescimento, rentabilidade e valor agregado.

 

JSL

A JSL foi fundada em 1956 e, ao longo de sua história, se transformou em uma holding com cinco investimentos (Movida Participações, Grupo Vamos, CS Brasil Participações, Original Concessionárias e BBC Holding) listada no segmento de maior governança corporativa denominado Novo Mercado da B3.  Em agosto de 2020 a JSL realizou uma reorganização societária, se tornando uma empresa independente e subsidiária da Simpar, a qual substituiu o antigo papel da JSL de holding.

Desde a conclusão da reorganização societáriae do IPO da JSL, realizado em setembro de 2020, foi executado um importante plano de crescimento inorgânico através de aquisições. Desde então, foram anunciadas cinco  importantes aquisições que acrescentaram R$1,6 bilhão de receita bruta e serviços complementares, além daqueles realizados pela JSL, gerando ganhos de escala e importantes sinergias financeiras e operacionais.

Há mais de 50 anos no mercado, a Tegma é uma das maiores operadoras da América Latina de transporte de veículos zero-quilômetro com participação de 26% de market share no Brasil. Conta com 20 filiais estrategicamente localizadas, totalizando 1,7 milhão de metros quadrados de pátios, gerencia  mais de 1.500 equipamentos próprios e de terceiros e emprega  cerca de 1,7 mil colaboradores.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas